quarta-feira, 12 de fevereiro de 2014

Não se esqueceu


Porém Sião diz: Já me desamparou o Senhor, e o meu Senhor se esqueceu de mim.
Porventura pode uma mulher esquecer-se tanto de seu filho que cria, que não se compadeça dele, do filho do seu ventre? Mas ainda que esta se esquecesse dele, contudo eu não me esquecerei de ti.
Eis que nas palmas das minhas mãos eu te gravei; os teus muros estão continuamente diante de mim.Isaías 49:14-16

Este é um dos trechos mais conhecidos e mais amados também das Escrituras;é muito bom lê-lo quando precisamos ser consolados pelo amor do Senhor.
Nesta noite tive um sonho:eu reencontrava uma criança,que teria sido meu aluno da escola bíblica infantil a cerca de 10 ou 11 anos atrás.Lembro-me de naquela época ter tido um ministério lindo e marcante,tanto para mim como para aquelas crianças que me foram confiadas pelos meus pastores,por seus pais e pelo próprio Deus.Uma delas,dia desses fez aniversário,um dia após o meu:a Isabela estava completando 18 anos,e reclamava o tempo da vida fácil da infância que queria de volta.Eu escrevi pra ela logo abaixo:''Se esta ruim pra você ,imagina pra mim,que me lembro de você pequenininha,e eu já era adulta.Aquela menininha que ficava me olhando no culto,que depois virou minha amiga,minha aluninha da escola bíblica,minha dançarina!''
Ela retornou escrevendo:''Me lembro com muito carinho de tudo isto,porque me fez muito bem,aprendi muito com você,obrigado Lê por tudo o que  me ensinou.''
Ter este sonho esta noite,foi como voltar ao passado e ver a importância e as marcas positivas que tudo aquilo deixou,tanto que até hoje,meu ministério com as crianças é referencia em outras Igrejas,e ainda sou convidada para pregar com meus fantoches nos cultos infantis.
Quando acordei ,enquanto expunha ao Senhor minhas angústias diversas orei assim:Senhor,parece-me que não estas me ouvindo.Tenho clamado tanto e nada muda.Não me ignores,não vires o teu rosto contra tua serva,porque a Tua Palavra esta sempre comigo,o teu louvor em meus lábios e eu te amo.
A resposta foi o trecho bíblico que abre a postagem:Sião diz:o Senhor já se esqueceu de mim..mas pode a mãe esquecer-se do seu filho que cria,do filho do seu ventre?Todavia ainda que ela se esqueça,eu não me esquecerei de Ti.Na palma das minhas mãos te tenho gravado e teus muros estou sempre perante mim.
Não dá pra ler ''nas palmas das minhas mãos te tenho gravado'' sem lembrar das mãos furadas de Cristo,marcas que o fazem lembrar o preço alto que pagou por cada um de nós.Também ao ler ''teus muros'' não consigo pensar em outra coisa senão nas orações feitas de contínuo.
As cidades antigas eram todas feitas com muros em redor.Suas portas eram grandes portas de ferro que só eram abertas ao amanhecer e onde guardas guardavam e vigiavam em todo tempo.Quando os inimigos queriam invadir ou destruir uma cidade a primeira coisa que tentavam era contra seus muros,era abrir brechas ou queimá-los.
Para mim ,sempre que o Senhor fala de muros,penso em nossas orações erguidas continuamente perante o Senhor,fechando brechas,fortalecendo a proteção de nossa vida espiritual,sem ela,estamos fracos,desprotegidos..
Em seguida o Senhor fala dos filhos que virão,até os filhos da orfandade que retornariam e nos deixaria pasmados,pois nem mais n
os lembrávamos que os tinha!
Os teus filhos pressurosamente virão, mas os teus destruidores e os teus assoladores sairão do meio de ti.
Levanta os teus olhos ao redor, e olha; todos estes que se ajuntam vêm a ti; vivo eu, diz o Senhor, que de todos estes te vestirás, como de um ornamento, e te cingirás deles como noiva.
Porque nos teus desertos, e nos teus lugares solitários, e na tua terra destruída, agora te verás apertada de moradores, e os que te devoravam se afastarão para longe de ti.
E até mesmo os filhos da tua orfandade dirão aos teus ouvidos: Muito estreito é para mim este lugar; aparta-te de mim, para que possa habitar nele.
E dirás no teu coração: Quem me gerou estes? Pois eu estava desfilhada e solitária; entrara em cativeiro, e me retirara; quem, pois, me criou estes? Eis que eu fui deixada sozinha; e estes onde estavam?

Isaías 49:17-21
Foi como me senti em relação aquele menino do sonho,era um menino gordinho,de cabelos curtos e claros;eu não lembrava que havia sido meu aluninho,mas ele se lembrava perfeitamente,seus pais,nos sonhos também testificavam a importância que tudo aquilo teve na vida dele,e logo minha memória em relação a ele foi voltando também,aquele garoto queria de novo ser meu aluno,era um filho da minha orfandade.
Sabe,por mais que hoje meu ministério pareça momentaneamente vazio e sem sentido,sei que o Senhor não mente.Ainda que eu não veja  com nitidez,marcas estão sendo deixadas em todo canto,em muitas memórias.Às vezes me surpreendo em como algumas pessoas se lembram de mim em circunstancias que eu mesma não me lembro de haver vivido.Se lembram de algo bom que eu tenha feito,falado,ensinado.Se lembram de algum exemplo ou carinho que lhes dediquei.
Vivo dias de intervalos novamente.Que sejam de fato apenas isto:intervalos entre um projeto e outro do Senhor pra mim.Na hora certa sei que Ele me encherá de novo de amor e vigor para não mais olhar para as dificuldades e sim para tudo o que Ele desejar fazer através de mim,sei quando é Ele pois não preciso fazer força para executar as coisas bem feitas,com criatividade,perfeição e agilidade,os frutos nascem naturais e saudáveis.Por enquanto meu ministério é minha própria vida espiritual,é minha casa,minha família,meu marido,filhos,mãe e irmãs.
Amanhã,Deus o sabe a quem poderei me dedicar além destes.
Escrevo este post para compartilhar,e para que outros tenham renovadas as esperanças.Somos do Senhor,mesmo nos vales,mesmo nos desertos,mesmo em silencio,e Ele não se esquece de nós,nem das coisas que um dia nos prometeu.Esperemos então.
*Abraço e paz!


Esta postagem é patrocinada por:
www.chocolateemorango.loja2.com.br

4 comentários:

Anônimo disse...

Minha irmã te amo em Cristo Jesus, e sei que como você crê eu também creio que é só realmente um intervalo que o Senhor está te dando para repor suas energias e te entregar algo novo e muito grande em suas mãos. Use esse momento para crescer muito, pois quando o Senhor te chamar para trabalhar ativamente na seara novamente, não terá tempo para muito crescimento, você vai usar aquilo que está em estoque, assim sua reserva terá que estar sobrepujando. Você ainda não respondeu nenhum email meu e nem comentário. Mas pareço fazer parte de sua vida depois que conheci seu blog, e estou lendo as postagens antigas. Quero cada dia conhecer Jesus mais e mais, como você conhece e assim como você sou uma mulher de garra e decidiu se entregar a obra do Senhor nos últimos tempos, e meu esposo também como o seu parece ser mais passivo, e estou orando para o Senhor desenvolver nele o mesmo amor que eu tenho por tudo que é o do Pai. Mais fique com Deus, entre em contato comigo pelo email sandrareginasfg@hotmail.com quero comprar um livro seu, tenho certeza que vai me edificar e muitos jovens em minha igreja.


Alessandra disse...

Sandra,perdoe-me por não haver respondido diretamente,mas tenho lido todos os teus comentários sim e de outras pessoas queridas,pois é eles que me fortalecem e sinalizam que devo continuar postando.Muito obrigado por todo este carinho,minha maior alegria é saber que Deus tem usado minhas reflexões para edificação.Hoje em especial,seu comentário me edificou muito,pois você usou palavras extremamente sábias:ter em estoque algo que esta sendo buscado agora,porque depois não dará tempo.É verdade!Já senti assim outras vezes.Grande abraço,entrarei em contato por e-mail.O Senhor te abençoe ricamente.

Adna Charife disse...

Olá, Alessandra!
Assim como você, houve um tempo em minha vida em que ensinei crianças na EBD. Apesar disso, talvez por fraqueza, abandonei esse ministério. Não sei o tamanho da minha dívida com o Senhor, mas aprendi que Deus nos confia, primeiramente os nossos próprios filhos, que aprenderão pelo exemplo e pelo ensino.
Quando vc escreveu "meu ministério é minha própria vida espiritual,é minha casa,minha família,meu marido,filhos,mãe e irmãs", percebi o quanto essa é uma visão direcionada por Deus.
Afinal, a Palavra nos exorta que "se alguém não tem cuidado dos seus, e principalmente dos da sua família, negou a fé, e é pior do que o infiel."
Fraternalmente, em Cristo.

Adna.

Anônimo disse...

A paz do Senhor Jesus Alessandra!
Li seu texto no dia em que foi postado, mas estava enferma e sem condições de digitar...
Fiquei muito feliz ao ler um comentário seu. Também te mandei um email há muito tempo e achei que não tinha recebido.
E eu quem fico feliz de poder fazer parte desse blog, de saber que meu comentário também foi útil.
Deus te abençoe sempre! Estarei sempre por aqui.
Abraços de paz!
Mônica Soares

Edificando em todo lugar..

type