sábado, 20 de novembro de 2010

Até que ponto a aparência interfere na felicidade da mulher?


 Já faz muito tempo que ando pensando em postar sobre este assunto aqui no blog,porém tudo é no tempo certo,e sob a direção de Deus.
    A pergunta é:Até que ponto a aparência de uma mulher interfere em sua felicidade,e principalmente,será que Deus se importa com isto?
    Bem,no livro Sobre Tudo Que Se Deve Guardar,Guarda O Teu Coração,eu conto a respeito dos complexos de inferioridade que tive na minha infância e parte da minha adolescencia.Embora aqueles que nunca tenham desenvolvido este sentimento,possam achar isto um exagero e lidar debochadamente com a situação,a pessoa que tem complexos convive muito mal com isto,e acaba se limitando no relacionamento com a sociedade.Dia destes recebi um email de uma moça muito tímida,que mal consegue conversar com os próprios membros de sua  família,que já recorreu a inúmeros métodos,todos sem sucesso,me pedindo conselhos relativos a toda essa timidez por conta de um post que leu aqui no blog;na hora percebi que tudo tem a ver com a imagem negativa que ela tem de si mesma.
   Faz tempo que fui liberta dos complexos,e isto se deve ao fato de Deus ter me curado,com sua amorosa palavra.Lembro-me que muitas vezes,elogios feitos em Cantares de Salomão foram respostas de oração,em períodos de tpm,e de achar-me muito feia etc.Ali o Senhor me dizia ''Eis que és formosa amada minha...''quando me deu um marido,Ele foi outra vez cuidadoso,me deu um homem pra me amar incondicionalmente,e que me elogia várias vezes por dia,cabelo,cheiro,a roupa que visto e as qualidades que vê em mim...vendo isto,meu filho tem agido da mesma maneira,realmente não tenho como alimentar um complexo,tendo a presença de Deus em minha vida e destes 2 homens abençoados que me deu.
 Porém ainda hoje,como todas as mulheres,as vezes percebo que algo não esta legal e isto me incomoda muito.As vezes é o cabelo,outras a pele,outras o peso,enfim...fomos todas feitas exactamente como somos,vaidosas,detalhistas,e por isso buscamos tantos apetrechos e truques para nos sentir mais bonitas.
  Os homens também se alimentam da beleza das mulheres,são atraídos por aquilo que vêem de bonito,portanto,nada mais natural e saudável do que este cuidado feminino.
   Vejo que Deus fez a mulher formosa,imagino Eva como a mais linda mulher que já existiu,a Bíblia também faz referencia a beleza de Rebeca,Sara,Raquel,Rute,e as filhas de Ló.Vejo um Deus amoroso cuidando do complexo de inferioridade de Ana-que não podia ter filhos-diante da zombaria de Penina,e de Lia,que era vesga-diante da preferência que seu marido tinha pela esposa  Raquel.Sim,ele se importa com aquilo que é importante para nós.
    O versículo que diz ser Ele Deus de perto e não de longe,me faz enxergar um Deus próximo a minha e a sua realidade.Se eu quero ser uma ''mãe de perto'' para meu filho,eu me interessarei pelo seu universo,por sua felicidade plena;por isso respeitarei e suprirei o que estiver a meu alcance em prol do seu bem estar,embora um  assunto ou um brinquedo que ele ache ser maravilhoso,não me pareça interessante,tornar-se-á interessante porque é interessante para ele.
   O Senhor é um Deus de perto,atento as coisas corriqueiras de nossa vida,ás feridas mais profundas e as barreiras em nosso caminho,podemos contar com Ele para vencer qualquer mal,inclusive a insatisfação com nossa aparência..em outras palavras,não é pecado orar por sentir-se infeliz com a aparência,muito menos inútil,pois o inimigo quer nos ver derrotados e cabisbaixos,perdendo oportunidades profissionais,o prazer pela vida,o bom humor,e as vezes até o marido.
    Encontrei uma oração maravilhosa  no Feminina Blog,a Shirley Varjão pensa exactamente como eu,e trouxe esta oração em forma de vídeo,para orarmos juntas contra os complexos e baixo alto estima...vamos?

Leia meu livro Sobre Tudo Que Se Deve Guardar,Guarda O Teu Coração,encomende pelo email alessandradacunhabarcelos1@gmail.com e receba em sua casa,em qualquer lugar do Brasil

2 comentários:

Zeh e Fran Souza disse...

Que mulher que nunca se olhou no espelho e se sentiu feia. Hoje mesmo vi uma mocinha magra no metrô e me lembrei de como era bom quando era magra, como qualquer roupa ficava boa, me senti feia, e gorda, e triste. Obrigada pelas palavras, nada como pedir ao nosso Pai que nos ajude com todas as coisas, Ele é maravilhoso.

Um ótimo fds pra Ti Ale.
Fica na Paz.

http://naosecompara.blogspot.com/

Raquel Consoli disse...

Oi Ale!rs...
Conheci seu blog hoje através do Blog da Dani - HOPE. Eu gostei muito muito mesmo!!!
Principalmente esse texto que fala sobre aprencia e complexos... Tbm sofri muito com isso na adolescência!
Mas glória a Deus que podemos contar com nosso Pai que cuida de nós!
Um grande abraço!!!
Que Deus continue te abençoando!!!

Edificando em todo lugar..

type