segunda-feira, 10 de maio de 2010

O homem mais rico não pode comprar..




Este fim de semana,eu assisti ao filme Pistol,da Bv Films;a mesma que trouxe para nós filmes maravilhosos como Desafiando Gigantes,A Virada,Prova de Fogo e outros..
Pistol,é um bom filme ,uma biografia,e nos enche do desejo de lutar por nossos objetivos.A frase que mais me marcou,foi quando o pai de Pete Maravich,lhe diz em momento de total desânimo:''Voce tem algo que o homem mais rico do mundo não pode comprar,você tem um dom.''
Amados,é tão maravilhoso ter um,ou mesmo mais de um dom!È o tipo de presente que só Deus ,o Autor da vida pode nos dar,ele implanta os dons que deseja em nós no momento em que decide nos enviar a este mundo,o desenvolve em nosso DNA desde o ventre materno,e realmente torce pelo nosso sucesso!
Eu tenho pra mim,que Deus é apaixonado por aquilo que fez com as próprias mãos:o homem,e a única coisa que o entristece ,ou até mesmo o faz se arrepender da criatura que fez,é nos deixar vencer pelo maligno,é usar as virtudes que nos dá com egoísmo,e pelo objetivo errado
5 E viu o SENHOR que a maldade do homem se multiplicara sobre a terra e que toda a imaginação dos pensamentos de seu coração era só má continuamente.
6 ¶ Então arrependeu-se o SENHOR de haver feito o homem sobre a terra e pesou-lhe em seu coração.
..fóra isso,mais uma vez eu digo:Deus é um grande incentivador de seus filhos.
Tanto Ele o é,que nos deixa em Sua Palavra a exortação de que não se deve enterrar os talentos e dons dados por ele,e sim desenvolvê-los(Mateus 25).
Peter Malavich,vinha de uma família não rica,mas dia e noite andava com sua bola de basquete procurando aperfeiçoar seu dom.Sabe aquilo que você ama fazer?Aquilo que muitas pessoas as vezes acham até exageradamente praticado por você?No meu caso,eu cantava tanto,na rua,na escola,em casa,que muitos me chamavam de maluca...eu escrevia tanto,que alguns estranhavam;e estudava tanto a Bíblia quando ainda não tinha nenhum acesso ao púlpito,que também parecia sem sentido...eu apenas acumulava conhecimento pra mim mesma;sofria calada com o que via de errado...mas em algum momento,o Senhor destacou os dons que me deu.
Nenhuma semente plantada volta vazia..um curso de especialização,pode não fazer sentido algum agora..mas se você se preparar,na hora certa a porta se abrirá diante de seus olhos.Montar o próprio negócio-na raça-e ficar um bom tempo sem ver retorno,muitas vezes até no prejuízo,pode te fazer sentir-se incapaz e derrotado por um momento ,mas através da perseverança e da experiência que se vai adquirindo,você pode chegar ao seu objetivo..
Não sei qual é o seu dom,mas foque nele e vá a luta,sempre mantendo seus planos de acordo com A Palavra de Deus e com o intuito de glorificá-lo...assim comecemos nossa segunda feira,boa semana pra todos,abraço e paz;abaixo uma sinopse e vídeo do filme Pistol...bem eu só gostaria que a obra fosse um pouco mais actual,visualmente pareceu-me um pouco antiga.
  • Pistol-nasce-uma-lenda

    • PISTOL

    • Distribuição: BV Films
    • Título: Pistol - Nasce uma Lenda
    • Gênero: Biografia
    • Duração: 104 Minutos
    • Áudio: Português/Inglês
    • Formato de Tela: Widescreen
    • Legendas:Português
    • Lançado no Brasil: 2009
    • Ano de Produção: 1991





  • Este filme traz a história real de uma lenda do esporte americano, ‘Pistol’ Pete Maravich (Adam Guier). Pete herda um sonho de seu pai, Press Maravich (Nick Benedict), e acredita que se dedicando totalmente a seu objetivo pode se tornar um jogador de basquete profissional e um campeão.

    Logo ele percebe que as probabilidades estão contra ele, sendo o menor, mais lento e mais jovem do time. Mas sua grande chance chega quando um dos titulares se machuca. Pete aposta nas suas jogadas tradicionais como movimentação livre, passes por traz das costas e dribles entre as pernas.

    Incluindo uma indicação ao prêmio da Academia para Millie Perkins como a mãe de Pete, ‘Pistol - Nasce uma Lenda’ revela o coração do maior showman do basquete.


4 comentários:

Marcelo Marques disse...

Parabéns pelo blog, precisamos todos nos esforçar ao máximo para alcançar o propósito total da propagação do evangelho.

Segue uma frase para nossa reflexão: “A letra que mata é a letra que você não vive e nem o Espírito pode vivificá-lo" Marcelo Marques

www.teologiadaaplicabilidade.blogspot.com

mag disse...

Que palavra de Vida você passou agora! Realmente a gente não pode enterrar o talento que Deus nos deu. As coisas não caminham como pensamos pois e' Deus quem guia nossa vida. Vale a pena aperfeicoar os dons que temos em Deus, vale a pena lutarmos mesmo que tudo parece em vão e sem sentido. Uma benção de post. Bj grande

my room disse...

Oie Alessandra..eu resolvi voltar a postar no meu blog, mas eu tinha feito um novo anota ai o endereço..você me responde no meu blog antigo hehehe

Sou amiga Da Fernanda, Helen

lembra? me adiciona aí que eu vou escrever sobre minhas experiências..

Eu vi um filme esse final de semana também. O Peregrino, amei!

beijos e fica com Deus!

Meu blog:

http://desabafosedicas.blogspot.com/

♥Fabi♥ disse...

Oie ale, vim agradecer seu comentário e tbm por vc ter postado "Carta a um pai ausente" no seu blog, fiquei surpresa e me senti feliz e emocionada ...

Ei vi os filmes Prova de Fogo, a Virada e Desafiando Gigantes, são mensagens lindas do coração de Deus para o nosso coração. Esse seu blog é linduh.

bjus

Edificando em todo lugar..

type